Com o preço do arroz a aumentar, que implica directamente que os telemoveis irão baixar- de preço -(a boa noticia), ao menos se estivermos morrer de fome podemos falar com um americano que explode ao comer 50 Mcdonald’s,tudo tem seu lado positivo…até mesmo a fome…

De politica um ka ta falà, somente um ta ri, campanha é momento mais hilariante de vida dum politico, onde kel têm baixa de sê condição de semi-deus ,dxi de sê castel e encontra ma povo, e inganal que promessas faraonicas e mentiras (ou não) de ocasião…é um raro momento de lirismo,onde qu’bo ta uvi coisas que ta fazé intesà qualquer  cerebro descuidode- um viagra cerebral- mas bom como um bom-mau jornal , a cobertura vêm depois, e um ta confesà que pa primeira vez ,que material era tanto que um ka sabia ondé começa,por isso um ta fazé um post sô .

Dakés mais lirico cum uvi foi que enfim nô encontra ,Don Ulissio Corleone, chefe da mafia caboverdiana , responsavel pa contrabando de arroz pa Uganda ,Sudão e Dinamarca, que ligações directas a Mafia dos Cereais, quem ka perde tempo é Francis Ford Tambla que adapta ess historia de ascensão e (possivel) queda de Don Ulissio “Arroz Refôgado” Corleone pa  grande ecran, o filme têm o nome de The Godfather of Praia e têm selo da produtora Inverdades de Campanha,musica a cargo de Malaquias e sê rabêca(tema principal)

aguarde, porque atràs vêm mais…ou não ?

Conselho pa fim de semana : deixe o seu cerebro de molho,pegâ dois limões chupe-os,e  ficarà com a impressão que é um politico em campanha, é devera um fazel e um pensà mi era Filu, resultado nha Casa vra um casa digital…

Advertisements